versao_portuguesa     english_version
Mensagem inicial
A Junta de Freguesia
Novidades
Fotografias
As aldeias
A nossa gente
Projectos
Património
Indústrias
Educação
Artesanato
Gastronomia
À nossa volta
Associações
Contactos & Links

Cardigos 1







Pelourinho de Cardigos


Este momumento foi erecto por alturas de 1518, após a criação do concelho e estava situado defronte da antiga Câmara na praça da vila. Era constituido por quatro degraus de pedra em toda a volta com excepção de uma parte em que os substituia o próprio terreno, uma coluna granítica canfrada, assente num bloco, com seu capitel fechado em pirâmide e quatro ferros em cruz, donde pendiam argolas.

No século passado, em época de ignorância e selvageria, muitos pelourinhos foram destruídos e o nosso também não escapou. As pedras aproveitaram-se para obras e a coluna foi parar ao cemitério one esteve até há pouco servindo de padieira no portão do mesmo. 

Acerca do nosso pelourinho corre a tradição que os habitantes de Amêndoa não levaram a bem a nossa independência pelo que o ameaçaram destruir; os cardiguenses porém cercaram-no de mato e durante muito tempo em volta dele estacionavam homens armados durante toda a noite. Só ao cantar dos galos é que recolhiam para descansar. Foi por isto que os cardiguenses foram apodados de "galaritos" que em nada os desprestigia, antes confirma o patriotismo dos antepassados.

Fonte: Cardigos - Subsídios para a sua história
Autor: Padre Henrique da Silva Louro (Pracana da Ribeira)






Infra-estrutura e alojamento por datagen.eu